Hipermetropia pode ser tratada com cirurgia a laser

Se você tem dificuldade para enxergar de perto, o procedimento cirúrgico é uma alternativa de correção.

Exames pré-operatórios garantem uma indicação precisa para cirurgias de correção de hipermetropia.

Calcula-se que 65 milhões de brasileiros têm hipermetropia, segundo dados divulgados pelo Conselho Brasileiro de Oftalmologia (CBO). Esse problema na visão é resultado da dificuldade do olho de convergir as luzes para que a imagem atinja a retina, prejudicando a capacidade de enxergar os objetos de perto. Nossos olhos são como lentes de uma câmera e a captação de tudo que vemos é transmitida para nosso cérebro. Se existe alguma imperfeição nesta lente automaticamente afeta a forma como vemos as coisas.

A novidade é que essa correção também pode ser feita por uma cirurgia a laser. Segundo o oftalmologista Leonardo Volpini, que faz parte do corpo clínico da PMX Centro Oftalmológico em Curitiba, por meio da chamada cirurgia refrativa, é possível deixar a córnea mais convergente para que foque em um ponto comum. No entanto, o especialista ressalta que a indicação cirúrgica deve ser analisada caso a caso. As técnicas mais indicadas para o procedimento cirúrgico a laser são: Lasik e PRK. O Lasik precisa de uma preparação antes de ser aplicado, pois a camada mais superficial da córnea é cortada e só após isso o laser é aplicado. Já o PRK tem uma tecnologia de precisão, cada movimento involuntário do olho é rastreado, e o disparo é feito atingindo o local programado.

Serviço: PMX Centro Oftalmológico Rua Presidente Rodrigo Otávio, 1976 | Bairro: Hugo Lange | Curitiba/PR (41) 3253-1451 | WhatsApp (41) 99889-1050

Posts Em Destaque
Posts Recentes